Diário do Nordeste: Capital precisa do triplo de antenas que tem hoje

Para atender aos clientes na Capital cearense dentro da qualidade recomendada, as operadoras de telefonia precisariam triplicar o número de torres de transmissão em Fortaleza. É o que revela levantamento feito pela Associação Brasileira de Infraestrutura para as Telecomunicações (Abrintel), entidade que reúne as principais empresas detentoras de infraestruturas para a instalação de Estações Rádio Base (ERBs) e suportes.

160727-diario-do-nordeste

Fonte: Diário do Nordeste